Sua Casa Conectada

 

INICIATIVAS PARA MELHORAR A EXPERIÊNCIA DO MORADOR

 

 

Este artigo foi publicado na revista Audio & Video Design #181

 

Autor: George Wootton, diretor tecnico da AURESIDE

 

Ter uma Casa Conectada e Inteligente pode ser simples e divertido! Temos a cada dia mais produtos disponíveis e a preços aceitáveis. Temos opções de produtos, opções de tecnologias e funcionalidades e opções de assistentes de voz.
 

Alguns produtos são muito fáceis de instalar: coloque no soquete ou na tomada, siga as instruções, conecte-o à sua rede WiFi, adicione ao aplicativo e vincule ao assistente. Depois, passe um tempo conhecendo as funcionalidades, brinque um pouco e tenha uma boa ideia do que o produto pode fazer por você.

Se você tiver alguma dificuldade, sempre pode pedir ajuda a um parente ou amigo.
 

Outros podem precisar de chave de fenda ou uma escada, como é o caso das câmeras e sensores. Aqui, de novo, você pode pedir ajuda entre os seus amigos e conhecidos. Mas alguns produtos precisam que você mexa na parte elétrica da sua casa, como quando troca um interruptor ou instala um módulo relé. Aqui, se seu conhecimento não for adequado, será difícil que seu vizinho ou amigo o tenha. É melhor pedir ajuda a um eletricista. Mas este eletricista muito provavelmente não vai conseguir te ajudar com as outras etapas de configuração e conexão. E enquanto todas as etapas não estiverem completas você não vai saber se está tudo funcionando.
 

Se você ou seus ajudantes não conseguirem fazer todas as etapas, naturalmente você vai se sentir frustrado e provavelmente vai transferir para desta frustração para o fabricante, dando depoimentos negativos sobre o produto. E mesmo que você tenha instalado tudo direitinho, com ou sem ajuda, mas não tenha se dedicado a conhecer melhor tudo o que o produto pode fazer, você não terá o quadro completo das possibilidades e com isso subestimará o valor do produto. Um caso típico é dos interruptores inteligentes, que são instalados no lugar dos interruptores convencionais.
 

Em geral eles são instalados no mesmo local onde estava o convencional e para isso você terá alguns desafios. O primeiro é ter certeza que ele cabe na caixinha na parede. Todos são feitos para caber, sem dúvidas, mas muitas vezes há outros fios passando por dentro da caixa. O segundo desafio é identificar corretamente os fios ligados ao interruptor antigo para ligá-los no novo. E, diferentemente dos interruptores tradicionais, os inteligentes precisam de um fio neutro (nem sabe o que é isso? Não se preocupe, há profissionais que sabem bem).
 

Depois da instalação, você precisa colocar o interruptor na rede WiFi de 2,4GHz (é que agora começamos a ter também a rede de 5GHz... complicado, mas nem tanto). E você precisa lembrar da senha do WiFi...
 

Instalar o aplicativo deve ser fácil; seguir as instruções e incluir o interruptor no aplicativo pode acontecer sem incidentes. E vincular este interruptor ao Alexa ou Google Assistant também não é muito complicado.
 

Mas, se depois deste processo todo você achar que a única coisa que você pode fazer é ligar e desligar a luz por comando de voz, você está vendo só uma parte do que é possível. Você pode programar horários para ligar e desligar, pode incluir o interruptor em uma rotina que comande outros produtos também (o mais usual são o LIGA TUDO e o DESLIGA TUDO, que você usa ao entrar ou sair de casa), pode definir timers... e assim você vai conseguindo tirar mais proveito do investimento que você fez no interruptor.

 

Sabemos que este processo e a falta de conhecimento do potencial do produto podem levar a ter opiniões negativas sobre o produto e sobre todo o conceito de Casa Conectada e Inteligente

hb1.jpg

É preciso entender que estes produtos foram criados no conceito “Faça-Você-Mesmo”, algo não muito comum no Brasil. Muitos deles foram trazidos para o país e colocados no mercado esperando que os interessados fossem as pessoas que já teriam este perfil de ter o conhecimento e as ferramentas básicas para elas mesmas instalarem e configurarem.
 

O que surpreendeu a todos os fabricantes e distribuidores foi o interesse muito grande que as pessoas mais leigas demonstraram, comprando os produtos sem nem se prepararem para o desafio. E com isso começaram a receber as críticas advindas da frustração destes clientes.
 

Mas, não se preocupe. Eles estão reagindo rápido e muito em breve você deverá ver muitas iniciativas visando melhorar a sua experiencia com os produtos deles. Vemos vários profissionais de elétrica e de segurança, entre outras especialidades, agregando conhecimentos específicos sobre redes e sobre a Casa Conectada para poder oferecer o “pacote” completo.
 

Nós na AURESIDE (Associação Brasileira de Automação Residencial) estamos ajudando empresas a montarem redes de profissionais credenciados para que você, ao comprar um produto de um determinado fabricante, possa contratar um profissional que esteja oficialmente treinado não só no produto como no conceito completo da Casa Conectada.
 

Os sites de alguns fabricantes começarão a ser mais didáticos quanto às informações, permitindo que o cliente tenha um processo facilitado. Alguns darão mais atenção a usos mais rebuscados de seus produtos, oferecendo ao cliente a oportunidade de realmente aproveitar a compra que fez.
 

O suporte remoto será mais proativo e a busca da satisfação do cliente quanto ao uso pleno dos produtos será uma forte geradora de iniciativas, como blogs e vídeos.Os fabricantes foram pegos de surpresa com o enorme interesse, mas estão reagindo rápido.
 

E, em breve, ao decidir comprar mais um produto para sua Casa Conectada você vai poder incluir em seu processo de decisão uma avaliação de quão perto de você está o fornecedor, de quanto ele quer que você tire proveito do que está comprando.

E esperamos que com isso as compras através de “importações” diretas ou de fornecedores “informais”, que em nada lhe ajudam nem antes nem depois da compra, deem lugar para as lojas online que tenham vínculos fortes com as empresas que vendem.
 

Tudo isso é para o bem de todos: de você, usuário e o principal responsável pelo enorme sucesso da Casa Conectada e Inteligente no Brasil; para o fornecedor que terá a fidelização através do suporte adequado e para o país com mais vendas oficiais e responsáveis.

Quer conhecer e responder um check list com sugestões
para tornar a sua casa inteligente e conectada?
Clique no botão abaixo!

O que você está achando destas novidades? Quer contribuir com a discussão? Precisa mais orientações?
Quer compartilhar experiências conosco?